Mar Alto

José Afonso

vistas 69

Fosse o meu destino o teu
Ó mar alto sem ter fundo
Viver bem perto do céu
Andar bem longe do mundo...

Antes as tuas tormentas
Do que todas as revoltas
No céu azul que adormentas
A solução nunca volta