Ela Encanta

Marina Peralta

vistas 513

Ela encanta
Bem desse jeito, jeito bem feito
Feito do jeito que ela bem quis
E balança
Vem no gingado, estilo bolada
Acalma, bagunça

Ela foi chegando devagar, veio já tirando todo o ar
Desmistificando tudo o que o povo insiste em falar
E a sua roupa ela escolheu, não pediu pra você nem pra eu
Porque ela entendeu que ela mesma manda nesse corpo que é seu

Logo de início quero falar do respeito
Essa mina do seu lado é mais que bunda e peito
Fugir desse assunto, meu mano, é uma vergonha
Ou cê tá achando que nasceu de uma cegonha?

Fica bem aqui, que eu vou te falar
Frida já se foi, mas pediu pra representar
E só pra constar, na minha rima vou lembrar
Você é linda do seu jeito e até quando acaba de acordar!

O sol raiou, e toda essa guerra entre o povo não parou
Seu nome é Betânia, sua mãe é Dona Flor
E referencial de pai só tem o seu avô

Só que seu corre é todo dia, sua luta é mais que grito
Não dá asa pro fuxico nem procura homem rico
Um dia não votava, também não estudava
De casa ela saiu, pra rua foi armada

Armada de ousadia, o medo escondia
Homem privilegiado mais sistema, oprimia
Um salve vai pras mina que na luta botam fé

Lugar de mulher é onde ela quiser!
Lugar de mulher

No rap quebra a banca
No samba tira onda
Reggaera fica a pampa
No funk é que manda

Acalma
Bagunça
Se mostra
Bem como escolheu