Vi potencial num pedacin de lama
Decidi que ali minha morada eu montaria
Era o ideal pra mim e minha dama
Dava até pra fazer um quartinho pras minhas filhas

(E fiz, hein!)

Viga na Maré, prego e madeirite
Martelei meu sonho até realizar
Derrubei na fé negativos palpites
Que diziam: Procura outro lugar!

Mas é tudo tempo do pai
Nem mesmo uma folha cai
Da árvore se assim ele não permitir
Eu ouvi ele dizendo: Vai! Não olha pra trás
Nem perca o foco que eu honrarei a ti

Nunca mendiguei o pão
Mas lutei pra ter
Minha condição já foi alvo de zombaria
Só que o tempo traz lição
Poucos sabem responder
Vivi pra crer ficar pra trás os rebeldia

Vi potencial num pedacin de lama
Decidi que ali minha morada eu montaria
Era o ideal pra mim e minha dama
Dava até pra fazer um quartinho pras minhas filhas

(E fiz, hein!)

Viga na Maré, prego e madeirite
Martelei meu sonho até realizar
Derrubei na fé negativos palpites
Que diziam: Procura outro lugar!

Mas é tudo tempo do pai
Nem mesmo uma folha cai
Da árvore se assim ele não permitir
Eu ouvi ele dizendo: Vai! Não olha pra trás
Nem perca o foco que eu honrarei a ti

Nunca mendiguei o pão
Mas lutei pra ter
Minha condição já foi alvo de zombaria
Só que o tempo traz lição
Poucos sabem responder
Vivi pra crer ficar pra trás os rebeldia

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct