Tua face é a noite que a meus olhos encantam
Me perco olhando a distancia contemplando o infinito
Vejo a chuva que cai transformar-se em pranto
Cada vez mais me encanto por esse rosto bonito

Quando estás bem às estrelas ficam mais brilhantes
Reluzem tons fascinantes que inspiram esses versos
Elas se unem num abraço a pulsar cintilantes
Bordando um lindo sorriso no grande universo

Por vezes te sinto nublar o semblante
Nem mesmo um clarão eu posso perceber
Teus olhos se estreitam tal lua minguante
E um breu em tua face, vejo se estender.

Um negro esboço de noite e mulher
Se mostra em beleza num rosto moreno
E a tua imagem me vem de uma forma
Que o imenso universo se torna pequeno

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct