visualizaciones de letras 203.594

A novidade veio dar a praia
Na qualidade rara de sereia
Metade o busto de uma deusa maia
Metade um grande rabo de baleia

A novidade era o máximo
Um paradoxo estendido na areia
Alguns a desejar seus beijos de deusa
Outros a desejar seu rabo pra ceia

Ó mundo tão desigual
Tudo é tão desigual
Oh, oh, oh, oh
De um lado esse carnaval
De outro a fome total
Oh, oh, oh, oh

E a novidade que seria um sonho
O milagre risonho da sereia
Virava um pesadelo tão medonho
Ali naquela praia, ali na areia

A novidade era a guerra
Entre o feliz poeta e o esfomeado
Estraçalhando uma sereia bonita
Despedaçando o sonho pra cada lado

Ó Mundo tão desigual
A Novidade era o máximo
Ó Mundo tão desigual

Agregar a la playlist Tamaño Acordes Imprimir Corregir
Compuesta por: Bi Ribeiro / Gilberto Gil / Herbert Vianna / Joao Barone. ¿Los datos están equivocados? Avísanos.
Subtitulado por Paula. Revisiones por 6 personas . ¿Viste algún error? Envíanos una revisión.

Comentários

Envie dúvidas, explicações e curiosidades sobre a letra

0 / 500

Faça parte  dessa comunidade 

Tire dúvidas sobre idiomas, interaja com outros fãs de Os Paralamas do Sucesso e vá além da letra da música.

Conheça o Letras Academy

Enviar para a central de dúvidas?

Dúvidas enviadas podem receber respostas de professores e alunos da plataforma.

Fixe este conteúdo com a aula:

0 / 500


Opções de seleção