Insegurança não trago comigo,
Privado por si mesmo vidas sem sentidos
Caio de cara levanto sigo em frente só tentando eu consigo
É o que eu levo em mente quem é que me socorre se eu estou no perreio
A minha auto-ajudo não vem de lair ribeiro
Eu não preciso de religião, macumba ou mandigueiro
O que eu preciso é acreditar em mim mesmo

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct