Vidro de conhaque vazio
Só na brisa e no brilho
Do sol que tá de matar

Ela acorda na areia
Percebe a aranha com teia
E começa a se perguntar

Quem dormiu comigo
E me deixou sozinha
Aqui nesse lugar?

É triste mas

Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho

Ela está perdida
Não ama mais a vida
Ta vivendo só pra contar

Pro seus país
Que ao menos tentou
e que tentando vai continuar

Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho
Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho

Ela está perdida
Não ama mais a vida
Tá querendo se encontrar
Com alguém que a ame
Nunca abandone vai sem desistir de procurar

Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho
Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho
Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho
Não é fácil achar
Cada passo que dou um espinho

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct