views 480
Photo of the artist Tiago Iorc

Tua Caramassa

Tiago Iorc


Eu fui com a tua cara logo de cara
Tua caramassa me rendeu o queixo, que foi pro chão
Tu é coisa rara e nem se compara
Nesse bando de alma rasa que insiste que profundo é razão

Se tu me pode, peço pra entrar
Na tua boa hora ou lugar
E no silêncio, o mundo fala sem se conformar
Só eu sei

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir a alma

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir

Eu fui com a tua cara logo de cara
Tua caramassa me rendeu o queixo, que foi pro chão
Tu é coisa rara e nem se compara
Nesse bando de alma rasa que insiste que profundo é razão

É, se tu me pode, peço pra entrar
Na tua boa hora ou lugar
E no silêncio, o mundo fala sem se conformar
Só eu sei

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir a alma

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir

Na tua doce dor, o céu
No sal da pele, o gosto pra lembrar
O quanto é bom ouvir o som
Que a tua boca geme e me faz aqui

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir a alma

E como tu me faz sentir
Pronto para me despir

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Teu rosto colado e o beijo calado
Pronto para me despir

Como é gostoso te amar
E como tu me faz sentir
Pronto para me despir

(Como é gostoso te amar)
(Como é gostoso te amar)

Eu fui com a tua cara logo de cara

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct