Anjo Inútil

Amália Rodrigues

vistas 185

Amália Rodrigues - Anjo Inútil


Passou um anjo de rasto
Na selva da minha vida
O sangue dele nos cardos
Ainda hoje tem vida

Rasgou as asas na pele
De modo grave, mais além
Por esse amor que me teve
Amei-o como a ninguém!