Obrigado, Senhor, porque és meu amigo
Porque sempre comigo Tu estás a falar
No perfume das flores, na harmonia das cores
E no mar que murmura o Teu nome a rezar

Escondido Tu estás no verde das florestas
Nas aves em festa, no Sol a brilhar
Na sombra que abriga, na brisa amiga
Na fonte que corre ligeiro a cantar

Te agradeço ainda porque na alegria
Ou na dor de cada dia posso Te encontrar
Quando a dor me consome, murmuro o Teu nome
E mesmo sofrendo, eu posso cantar

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct