Photo of the artist Jair Naves

5/4 (Trovões Vêm Me Atingir)

Jair Naves


Frente a um grande acervo
de desilusões e erros,
quem não se encolheria em meu lugar?

Seguindo solto, a esmo,
salvo por um beijo,
quem não se espantaria em meu lugar?

E meu corpo volta a ter pulsação

Eu sou seu companheiro,
eu me dei por inteiro
quem não se entregaria em meu lugar?

Dois amantes expostos,
a contagem dos corpos
quem não se orgulharia em meu lugar?

E meu corpo volta a ter pulsação
Quase uma ressurreição,
meu corpo volta a ter pulsação

Estranha combinação, nós dois
a irracionalidade da paixão
Nem sinal de razão,
eu sou todo coração

O último a ceder:
me deixa ir com você
Eu demoro a aprender
então me deixa ir com você

Toque de recolher,
que venham me prender
Limites a infringir,
tão típico de mim

O último a ceder:
me deixa ir com você
me deixa ir com você
me deixa ir com você

Trovões a me atingir,
trovões vêm me atingir

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct