Carne de pistola suja
Fugindo do aparelho inimigo
Abre tantas casas e caminhos
Sujos de artimanhas guerreiras
Planta que pisaste no caminho
Fugas que até foram redimidas
Idas por paredes já vazias
Frias de temores estridentes
Dentes encostados na figura
Dura de terrores delinquentes

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct