Você me perguntou por onde andava minha mente
E eu disse que não saberia responder
Se você não me dissesse o significado
De um pôr do sol à meia noite
No Arpoador
Eu quis saber com quantos paus se faz um arranha céu
Você disse madeira é frágil demais
Pra suportar tamanha distância do inferno,
E não entendeu porque eu me sentitão próximo do céu ...
Você me disse que não acreditava em pecado
Então eu vejo essa camisola em minhas mãos
No escuro de uma paixão
Que eu nunca pensei ver ...
E em que acreditei
A minha visão de culpa
Que nunca mais existirá ...
Eu não entendo nada
E não me venha com livros
Seus mitos são meus mártires
Meus conceitos são a verdade
Que você nunca entendeu,
Porque estava muito preucupada
Tentando entender a estrutura
De mais de mil línguas
Pra poder dizer:
" Eu te amo "

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct