O poder mágico do seu olhar
está a nos dizer que é preciso amar
beleza que aquece como o sol ardente
as vezes nos refresca como água corrente
ela nos lembra mais luz de lua cheia
que pode tornar bela qualquer coisa feia
que pode ser clarão no alto da serra
nos faz acreditar em grande paz na terra
a luz do seu olhar

(Tadeu Franco e Julia Brant)
Esse poder que tanto nos fascina
é o própio amor que tudo ilumina
Qual natureza que tudo nos doa
qual a bondade que tudo perdoa
bondade que tudo perdoa

O poder mágico do seu olhar
está a nos dizer que é preciso amar
beleza que aquece como o sol ardente
as vezes nos refresca como água corrente
ela nos lembra mais luz de lua cheia
que pode tornar bela qualquer coisa feia
que pode ser clarão no alto da serra
nos faz acreditar em grande paz na terra
a luz do seu olhar

Esse poder que tanto nos fascina
é o própio amor que tudo ilumina
Qual natureza que tudo nos doa
qual a bondade que tudo perdoa
bondade que tudo perdoa

Esse poder que tanto nos fascina
é o própio amor que tudo ilumina
Qual natureza que tudo nos doa
qual a bondade que tudo perdoa
bondade que tudo perdoa

Bondade que tudo perdoa...
A força mágica do teu olhar...
O poder mágico do teu olhar...

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct