Seu universo é tão ímpar
E ao mesmo tempo cíclico
Parado eu fico num fluxo contínuo
Feito de ilusoes
E nesse parque de diversões
O meu querer é dissonante
E não tem como explicar

Talvez se você pudesse me ajudar
Mas não! Não podemos nos precipitar em iniciar uma história romântica
Você sabe bem, que nem toda história tem, um final feliz

Porém, não custa tentar agora
Alguém te espera lá fora sem medo de tentar

E como uma bela atriz
Que nunca quis, aquele papel
Por saber que iria ser usada, violentada incumbida a provar a vida
Da forma mais cruel
Independentemente dessa dança
A vida não cansa e abre espaço para o que é novo e bom chegar

Porém não custa tentar, Agora
Alguém te espera lá fora
Sem medo de tentar

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct