Eu desligo o telefone,
conto as histórias que quiser,
pego no sono.
Novo, 26 anos,
planejamos, passou o ano, vamos.
Vem dia a dia.
Vem a cada manhã.
Essa coisa leva.
Não sei mais por quê.

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct