Tulwe tulwe tulwe
Quero lhe encontrar
Pra falar sobre vida
Sem imagem nem maquilhagem
Pois você é minha luta neste mundo de vaidade

Acredita que esse amor é maior que o rancor
Por teu beijo e o teu calor
Me esqueci sobre ontem
Que a lindeza do talatona já mais será minha dona
Queria ser eu um anjo para te levar para o Céu
Desfazer o meu destino pro coração que enlouqueceu

Bimbana yaku ntemo zulu mumoko maku
Yomatuti kotosimba kyese kyanvimba
Eu escondova dor nas palavras pra não descobrires
Imposto eu não paguei daquela casa que comprei em Portugal

Wawe wawe makezo makezo
Amor existe não é preto nem branco
A dor insiste não escolhe idade
Sua presença para mim é felicidade
Oh Melita tu sabes como é a vida
Sua intenção feriu minha razão
Profecias da tia Helena vão seguir

Vou deixar as crianças brincarem sem medo do amanhã
Trabalhador eu sou neste pais que eu amo
O sabor dos meus ancestrais não me esqueci
No interior la na zona onde eu nasci
Por ti eu fiz tudo
Olha a tamanha ingratidão
Dizem que o mundo é assim
Ninguém é de ferro pra aguentar a solidão

O bem se esquece, o mal se lembra
Mas a amizade não se quebra
Cultivamos a terra e regamos com amor
Para colher aquela fruta
Ongeye nluta, umbanginsi kunti antulo kini muluse mbenze vo ludi
Quem nunca sonhou ser feliz na vida
Se estiver errado por favor me diz

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct