Vou cuidar-te a Alma

Marco Paulo

vistas 53

Ai se eu pudesse estar contigo
Adormecida entre os meus braços
E olhar-te no silencio
Ai se eu pudesse desenhar-te
Uma cena dos meus sonhos
Onde sempre estás presente
Gostava de ter-te aqui
Dizer-te o que eu sinto

Gosto da tua cara
Gosto do teu cabelo
Sonhar com tua voz
Quando dizes te quero
Gosto de abraçar-te
E cheirar teu aroma
Poder encontrar
Nos teus olhos o céu
Gosto do teu sorriso
Gosto da tua boca
E de acreditar que por mim
Tu estás louca
Eu quero que sintas
Comigo a calma
E ao chegar a noite
Vou cuidar-te a alma

Como despertar desta distancia
Sem tua pele junto com a minha
Amando tua fotografia
Podemos mandar beijos
Com o vento
Olhar a lua ao mesmo tempo
Contar um dia mais
Gostava de ter-te aqui
Dizer-te o que nos falta

Gosto da tua cara
Gosto do teu cabelo
Sonhar com tua voz
Quando dizes te quero
Gosto de abraçar-te
E cheirar teu aroma
Poder encontrar
Nos teus olhos o céu
Gosto do teu sorriso
Gosto da tua boca
E de acreditar que por mim
Tu estás louca
Eu quero que sintas
Comigo a calma
E ao chegar a noite
Vou cuidar-te a alma

E apesar de tudo
Sem pensar em nada
Vou bater-te á porta
E dizer-te outra vez