Águas de aluvião
Levando amor pro mar
Águas que vão alagando as margens
Dessa paixão

Rio do coração
Vermelho, vivo e são
Para adubar o solo tão seco da ilusão

A gente nem pensou
Que ia ser assim
Mas quem diria, pois foi
Um dia o chão se abriu
A flor murchou
O céu caiu
E o rio então secou

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct