Desde Que Não Seja a Minha

Julinho


Tem gente que ignora
Ver mulher andar sozinha
Com a blusa degotada

E a saia bem curtinha
Usando roupinha justa
Mostrando todas as curvinha

Tem gente que acha imoral
Eu até acho legal
Desde que não seja a minha

Mulher que vai pra balada
E volta de madrugadinha
Passa a noite na farra

Só tomando cervejinha
Marido fica em casa
Cuidando das criancinhas

Tem gente que acha esquisito
Eu até acho bonito
Desde que não seja a minha

Tem mulher que é liberal
E adora uma festinha
Vai pular no carnaval

E samba a noite inteirinha
Junto com suas amigas
Tomando caipirinha

Tem gente que fala mal
Eu até acho normal
Desde que não seja a minha

Mulher que joga no bingo
No bicho e na raspadinha
Gasta o dinheiro no jogo

E volta pra casa lisinha
Quando o marido reclama
Ainda fica bravinha

Tem gente que acha errado
Eu até acho engraçado
Desde que não seja a minha

Mulher que conta piada
Do elefante e a formiguinha
Fazendo gesto obsceno

Toda cheia de gracinha
Quando o marido tá longe
Fica mais assanhadinha

Tem gente que ignora
Eu acho um show de bola
Desde que não seja a minha

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Cidão Carreiro / Sebastião Figueiredo. Isn't this right? Let us know.