Vinte e tantos Anos

Pela estrada da vida
E ainda te dizem no que você deve ou não acreditar
Privam seu credo
Teu espírito a elevação
Tornam sua vida um verdadeiro saco de gatos

Você se enfarta, com o puro sofrimento d'alma
O peito calejado pela dor, sonhando com um dia blue
Sonhando com um dia blue

Ai você canta e encanta
Como os negros que espantavam sua angústia
Com a música do coração.

Na certeza de que a fé é infalível
A luz do próximo dia
Refletisse a mais linda melodia do mais sincero blues

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct